ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Na tarde de ontem terça-feira (03/12), nas dependências para associação Comercial Empresarial de Laranjeiras do Sul, lideranças e dirigentes de duas entidades de produtores da região receberam capacitação em virtude de recebimento de recursos do Pró Rural.
 
O Programa de Desenvolvimento Econômico e Territorial (Pró-Rural), prioriza as seguintes atividades: fortalecimento institucional das organizações de assistência técnica e extensão rural – ATER, capacitação dos agricultores e técnicos; suporte a ações públicas estruturantes e apoio a iniciativas de negócios sustentáveis.
 
Uma delas foi a  Cooperativa Agroecológica do Assentamento Ireno Alves - COOPAIA
Está localizada no assentamento Ireno Alves no município do Rio Bonito do Iguaçu. O  presidente da COPAIA o Ivan Testa, relatou as atividades da cooperativa e o projeto recebido para a agroindústria que vai beneficiar os associados. “ É um momento importante para a Cooperativa, onde o recurso vai viabilizar a construção da Agroindústria, possibilitando agregar valor e otimizar a produção de verduras, doces, conservas, verduras entre outros”.
Valor do total do projeto:  R$ 419.666,54 – Recursos do Pró Rural: R$ 391.287,64
 
Do município de reserva do Iguaçu, que também está recebendo recursos é a Associação Quilombola Pró - Reintegração Invernada Paiol de Telha Fundão. Nesse local em torno de 100 famílias estão se estruturando após a regularização da área.
O presidente da associação João Trindade Marques, relata que a capacitação é necessária para boa aplicação do recurso. “Agora com após a regularização das terras, estamos trabalhando pra produzir”. Estivemos mais de 40 anos fora a atividade, essa capacitação e recursos que vamos aplicar na comunidade é uma grande conquista declarou Sr João.
Valor total do projeto R$: 247.494,00 – Recursos do Pró Rural R$ 224.732,00
 
O Coordenador Técnico do programa Jefferson Meister, ( Seab) relata que a capacitação dos dirigentes é necessária para boa aplicação do recurso e execução dos projetos. “ Nessa fase estamos capacitando as duas entidades para as mesmas fazerem o bom uso dos recursos, como processo de compras, prestação de contas e posteriormente a través da Seab a fiscalização da obra , explica Jeferson.
 
O articulador do Pró Rural,  do Território Cantuquiriguaçu , Jaison Reis informou que foi um longo percurso desde 2017. “ Essas organizações tiveram um longo caminho de adequação documental e planejamento”.  Agora é o grande momento, o recebimento do recurso e capacitação para forma correta de aplicação do projeto, montar o empreendimento para agregar valor à produção, finalizou Jaison


Fonte: Jefferson Silva- RCA - Emater
Postado por Jefferson Silva - Data: 04/12/2019

Arquivos Relacionados a Notícia