ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Uma idosa, de 94 anos, interna do Lar de Idosos Iracy, Associação Santa Rita de Cássia, morreu vítima da Covid-19. A confirmação foi feita por uma funcionária do local, que não quis revelar a identidade, mas ressaltou que a vítima não morreu na casa, e sim no hospital onde estava internada. 

Segundo informações apuradas junto a essa funcionária, a casa, que fica no Xaxim, abriga 28 idosas, que moram no local e são atendidas por 18 funcionários. Após o ocorrido, todos foram testados para o vírus e nove idosos tiveram a contaminação confirmada, além de quatro funcionários. A funcionária, contudo, teme que o local possa ser alvo de algum tipo de retaliação da vizinhança, caso o ocorrido venha a público.

Presidente da Associação Santa Rita de Cássia, Rosicler Kozlowski explica que todas as idosas e funcionários que testaram positivo para o novo coronavírus estão cumprindo isolamento, conforme determinação as autoridades da Saúde para o caso.

“Foi dividido o lar em dois, porque tem dois andares. No andar de baixo estão as infectadas que não têm sintoma nenhum, e tem outras quatro no Hospital do Trabalhador, sendo tratadas. E em cima tem seis [idosas] que não foram infectadas, deu negativo [o teste]”, afirma Kozlowski. “As que estão contaminadas estão separadas das boas, estão passando bem, tem funcionário atendendo, as funcionárias estão todas bem, não tem problema nenhum na casa”, disse ainda ela, explicando que todas as famílias foram notificadas sobre a situação e algumas optaram por retirar os idosos que não haviam sido contaminados.

Desde que o primeiro caso foi confirmado no lar, a Vigilância Sanitária tem mantido contato diário com o estabelecimento, que também passou por uma dedetização. “Estamos seguindo todas as normas de higiene, tudo o que a Vigilância passou: álcool em gel em toda parte, sabão para lavarem as mãos, comida separada, roupa lavada em separado. Na terça da semana que vem termina a quarentena. Duas das idosas, inclusive, já terminaram a quarentena”, conta Kozlowski.

A informação de que uma idosa interna de um lar morreu vítima da Covid 19 foi confirmada pelo Centro de Epidemiologia da Secretaria Municipal de Saúde, que também afirmou que não poderia dar mais detalhes do paciente por se tratar de informações sigilosas, que dizem respeito à privacidade do paciente.

Fonte: www.bemparana.com.br
Postado por Digital - Data: 16/04/2020

Arquivos Relacionados a Notícia